"Por isso, digo-vos: não tenhais medo de construir a vossa vida na Igreja e com a Igreja! Sede orgulhosos do amor a Pedro e à Igreja que lhe foi confiada. Não vos deixeis enganar por aqueles que desejam opor Cristo à Igreja! Só existe um rochedo sobre o qual vale a pena construir a própria casa. Esta rocha é Cristo. Só há uma pedra sobre a qual vale a pena fundamentar tudo. Esta pedra é aquele a quem Cristo disse: 'Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja' (Mt 16, 18)".

Papa Bento XVI.
Discurso durante o encontro com os jovens no parque de Błonia. Cracóvia, 27 de Maio de 2006.

Visite nosso canal no YouTube!

Visite nosso canal no YouTube!
Clique na imagem

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Bento XVI reza pelo fim do conflito em Gaza

A tradicional oração do Angelus foi rezada neste domingo, 4, pelo papa Bento XVI e milhares de fiéis que se encontravam na Praça São Pedro, com um tom apelativo pelo fim da guerra na Faixa de Gaza, que hoje completa dez dias e soma 500 mortos.
Bento XVI convidou a todos para continuarem “a contemplação do sentido profundo do Natal de Cristo”, bem como para “encontrar um sentido profundo para a própria vida”.
Durante a oração, o pontífice fez uma breve recordação dos feridos na guerra e de todas as vítimas: "As dramáticas notícias que nos chegam de Gaza mostram como a rejeição ao diálogo leva a situações de dificuldades que recaem indizivelmente sobre as populações mais uma vez vítimas do ódio e da guerra. A guerra e o ódio não são a solução aos problemas. E isso o confirma também a história mais recente. Rezemos, portanto, a fim de que 'o Menino na manjedoura... inspire as autoridades e os responsáveis de ambos os lados, israelenses e palestinos, a uma ação imediata para colocar fim à atual trágica situação”, disse o papa.
Ainda na oração do Angelus, Bento XVI exortou aos fiéis que contemplem o significado do Natal, explicou o Prólogo do Evangelho de São João ressaltando que o evangelista foi uma “testemunha ocular da novidade inaudita e humanamente inconcebível do que se fez homem”. O papa também chamou a atenção para o acolhimento das sagradas escrituras e desejou um feliz ano novo ao mundo inteiro.
Fonte:Rádio Vaticano

Nenhum comentário:

Página no facebook

Página no facebook
Curta nossa página no facebook, clique na imagem acima!