"Por isso, digo-vos: não tenhais medo de construir a vossa vida na Igreja e com a Igreja! Sede orgulhosos do amor a Pedro e à Igreja que lhe foi confiada. Não vos deixeis enganar por aqueles que desejam opor Cristo à Igreja! Só existe um rochedo sobre o qual vale a pena construir a própria casa. Esta rocha é Cristo. Só há uma pedra sobre a qual vale a pena fundamentar tudo. Esta pedra é aquele a quem Cristo disse: 'Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja' (Mt 16, 18)".

Papa Bento XVI.
Discurso durante o encontro com os jovens no parque de Błonia. Cracóvia, 27 de Maio de 2006.

Visite nosso canal no YouTube!

Visite nosso canal no YouTube!
Clique na imagem

sexta-feira, 13 de março de 2009

Dom Rafael Cifuentes é novo membro da Academia de Filosofia

Responsabilidade, pensamento filosófico, palavra da Igreja, razão e fé. Estas foram algumas das expressões citadas pelo Bispo de Nova Friburgo, Dom Rafael Llano Cifuentes, ao falar de sua nomeação como membro efetivo da Academia Brasileira de Filosofia.A cerimônia de posse será no dia 18 de março, na sede da Academia, quando ocupará a cadeira de número 16, antes pertencente a um dos maiores teólogos brasileiros, Dom Estevão Bettencourt, falecido no dia 14 de abril de 2008. Em entrevista ao noticias.cancaonova.com, Dom Rafael falou sobre a grande responsabilidade, tanto por ocupar a cadeira de Dom Estevão, como por ser um dos três eclesiásticos que podem se tornar membros fixos da entidade. “É uma grande responsabilidade no sentido de levar a palavra da nossa Igreja Católica, num ambiente eminentemente pluralista. Há filósofos de todas as índoles e pensamentos. Creio que a minha presença na Academia representa uma responsabilidade muito grande, sobretudo por substituir um homem tão conhecido no país inteiro e realizador de coisas muito importantes, especialmente no contexto do Rio de Janeiro”. O bispo de Nova Friburgo explicou ainda a importância da Academia de Filosofia para a sociedade, devido à sua finalidade de resguardar a memória filosófica do Brasil e debater temas da atualidade. O trabalho do órgão se desenvolve com a apresentação pelos filósofos de suas pesquisas, em que “se procura expor o pensamento em uma espécie de tribuna do pensamento filosófico do país inteiro, ou seja, na Academia, umas da referências na intelectualidade brasileira”, complementou o bispo. Dom Rafael também se declarou surpreso com o convite para ser um membro efetivo, mas acredita que suas publicações, como os 35 livros escritos, e as conferências que ministra pelo país tenham contribuído. “São coisas que me deixam muito honrado, mas, ao mesmo tempo, penso que não sou digno. Mas procurarei estar à altura da responsabilidade”, concluiu o bispo.Cerimônia de posseMembros da Academia Brasileira de Letras e representantes dos governos municipal e estadual também estarão presentes na cerimônia de posse. O jurista e membro da Academia, Ives Gandra Martins, fará a saudação ao novo acadêmico que, em seguida, realizará um discurso sobre o tema “Razão e fé”. O foco da exposição será o homem como ser pensante e que tem necessidade de Deus. Isto é, que Deus faz parte da própria estrutura pensante do homem.

Fonte: Canção Nova.

Um comentário:

lychowski disse...

Conheço D.Rafael há mais de 30 anos. Apesar de sua humildade e modéstia - próprias de uma grande alma - penso que a sua escolha foi uma decisão sábia da Academia, e que trará grande benefícios ao país. Quem escutou a fala de D. Rafael, quem já leu as suas obras, pôde perceber que se trata de uma figura humana ímpar, que conhece o âmago da natureza humana, na sua dimensão racional, psicológica, espiritual e filosófica. Estou convicto de que toma posse hoje na Academia de Filosofia, uma pessoa do mesmo nível de Alceu de Amoroso Lima e Gustavo Corção. Parabéns à Academia pela sábia escolha e a D. Rafael. Muito obrigado, Rodrigo Lychowski (Professor de Direito do Trabalho da UERJ)

Página no facebook

Página no facebook
Curta nossa página no facebook, clique na imagem acima!