"Por isso, digo-vos: não tenhais medo de construir a vossa vida na Igreja e com a Igreja! Sede orgulhosos do amor a Pedro e à Igreja que lhe foi confiada. Não vos deixeis enganar por aqueles que desejam opor Cristo à Igreja! Só existe um rochedo sobre o qual vale a pena construir a própria casa. Esta rocha é Cristo. Só há uma pedra sobre a qual vale a pena fundamentar tudo. Esta pedra é aquele a quem Cristo disse: 'Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja' (Mt 16, 18)".

Papa Bento XVI.
Discurso durante o encontro com os jovens no parque de Błonia. Cracóvia, 27 de Maio de 2006.

Visite nosso canal no YouTube!

Visite nosso canal no YouTube!
Clique na imagem

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Bento XVI destaca ensinamentos sobre a Cruz e a Palavra de Deus

Na Catequese desta quarta-feira, 9, o Papa Bento XVI recordou um dos grandes santos do século XI, Pedro Damião. Monge que deixou profundos ensinamentos sobre o amor que brota da Cruz e o valor da Palavra de Deus na vida dos cristãos. O Santo Padre deixou, logo cedo, a Residência Apostólica de Castel Gandolgo e se dirigiu ao Vaticano para a habitual audiência geral das quartas-feiras, na Sala Paulo VI. Pedro Damião nasceu na cidade italiana de Ravena, e muito cedo perdeu seus pais sendo criado pelos irmãos que lhe deram uma magnífica formação, tanto jurídica como na cultura clássica latina. Na sua juventude dedicou-se ao ensino e compôs grandes obras literárias. Com o passar do tempo sentiu o chamado à vida de eremita entrando para o Mosteiro de “Fuente Avellana". Durante décadas dedicou-se de modo exemplar à vida monacal. “Como conseqüência das suas muitas horas de contemplação e meditação, ele nos deixou textos de alto valor teológico, como também magníficos sermões e cartas sobre o amor que brota da Cruz e do valor da Palavra de Deus na vida espiritual do monge e do cristão. Esse trabalho de pensamento, através do qual exortava todos a colocarem no centro de suas vidas Cristo, estava orientado na busca de uma profunda reforma da Igreja”, disse Bento XVI. Por isso, em várias ocasiões Padre Damião foi chamado pelos Papas para desempenhar uma atividade pastoral mais direta ou para solucionar problemas que afligiam a Igreja naquele momento. “É um grande dom poder contar com uma pessoa como São Pedro Damião, que consumou suas energias espirituais e físicas por amor a Cristo e a sua Igreja, e que testemunha mais uma vez a primazia de Deus sobre todas as coisas”, disse ainda o Papa. O Santo Padre na conclusão da audiência geral saudou os vários grupos de peregrinos presentes em diversas línguas. Em italiano o Papa saudou os jovens, os enfermos e os recém-casados. E lembrou a memória litúrgica do Nascimento de Nossa Senhora, celebrada nesta terça-feira, 8. O Concílio Vaticano II diz que Maria nos precede no caminho da fé porque “acreditou na realização das palavras do Senhor”. “Peço à Virgem Maria o dom de uma fé cada vez mais madura para os jovens; uma esperança sempre mais sólida para os enfermos; um amor sempre mais profundo e duradouro para os recém-casados”. O Papa saudou, também, os peregrinos de língua portuguesa e concedeu a todos a sua benção apostólica. “Dirijo uma cordial saudação a todos os peregrinos de língua portuguesa, particularmente aos grupos vindos de Portugal e do Brasil, de Ribeirão Pires e Rio de Janeiro, e à Comunidade Palavra Viva, convidando a todos vós que viestes a Roma a renovar o propósito de ter Jesus Cristo como o verdadeiro centro de vossas vidas. Obrigado pela visita! Que Deus vos guarde e abençoe!”
Fonte: Canção Nova e Rádio Vaticano.

Um comentário:

DE MÂOS DADAS disse...

Vou passando sempre
Gosto de passar por aqui

Página no facebook

Página no facebook
Curta nossa página no facebook, clique na imagem acima!