"Por isso, digo-vos: não tenhais medo de construir a vossa vida na Igreja e com a Igreja! Sede orgulhosos do amor a Pedro e à Igreja que lhe foi confiada. Não vos deixeis enganar por aqueles que desejam opor Cristo à Igreja! Só existe um rochedo sobre o qual vale a pena construir a própria casa. Esta rocha é Cristo. Só há uma pedra sobre a qual vale a pena fundamentar tudo. Esta pedra é aquele a quem Cristo disse: 'Tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja' (Mt 16, 18)".

Papa Bento XVI.
Discurso durante o encontro com os jovens no parque de Błonia. Cracóvia, 27 de Maio de 2006.

Visite nosso canal no YouTube!

Visite nosso canal no YouTube!
Clique na imagem

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Sede Vacante

 
20h na Itália, 16h no horário oficial brasileiro: fecha-se o portão principal da residência de Castel Gandolfo e a Guarda Suíça retorna ao Vaticano. O Santo Padre entrega o Anel do Pescador a fim de que seja destruído pelo Cardeal Camerlengo, como pode o nº 13 da Constituição Universi Dominici Gregis: "tomem providências no sentido de fazer anular o Anel do Pescador e o Selo de chumbo, com os quai...s são expedidas as relativas Cartas Apostólicas".

Renuncia, assim, ao Trono de Pedro o 265º Bispo de Roma, Sua Santidade, o Papa-emérito Bento XVI.

Durante os 2.863 dias ocupando a Cátedra Petrina viajou a 26 países (em 2007 nos visitou) e 36 cidades italianas, batizou 120 bebês, ordenou 127 diáconos ao sacerdócio, sagrou 22 presbíteros ao episcopado, elegeu 1.317 bispos (125 destes para o Brasil), impôs o pálio a 301 arcebispos-metropolitanos (sendo 33 brasileiros), confirmou a eleição de 3 arcebispos-maiores, concedeu a comunhão eclesiástica a 5 patriarcas orientais e criou 90 cardeais (3 deles brasileiros).

841 veneráveis foram beatificados (8 nasceram ou residiram no nosso país), canonizou 45 bem-aventurados (1 brasileiro, o primeiro nascido nestas terras), foram 8 solenidades do Natal e 7 da Páscoa presididas, nos abençoou com 16 bênçãos Urbi et Orbe, convocou 5 sínodos e escreveu 3 encíclicas.

Inúmeras audiências, discursos, aplausos, lágrimas, ósculos em seu anel, mas o mais sublime são 1,2 bilhão de pessoas em comunhão ao Pontífice Romano no amor à Santíssima Trindade.

Com seu pontificado ficamos mais sábios, mais teólogos, mais zelosos pela liturgia. Ficamos mais extraordinários. Ainda nesta mesma hora, inicia a vacância da Santa Sé a espera do 266º Bispo de Roma e Papa da Igreja Católica Apostólica Romana.
 
 

Bento XVI se despede dos Cardeais que estão em Roma e promete obediência ao novo Papa



 
Cidade do Vaticano (RV) – Após ouvir a saudação do Decano do Colégio Cardinalício, Bento XVI tomou a palavra para se despedir dos Cardeais.
 
Assim como o Card. Sodano, o Papa também citou a experiência dos discípulos de Emaús, afirmando que também para ele foi uma alegria caminhar em companhia dos cardeais nesses anos na luz da presença do Senhor ressuscitado.
 
Como disse ontem diante de milhares de fiéis que lotavam a Praça S. Pedro, a solidariedade e o conselho do Colégio foram de grande ajuda no seu ministério. “Nesses oito anos, vivemos com fé momentos belíssimos de luz radiosa no caminho da Igreja, junto a momentos em que algumas nuvens se adensaram no céu. Buscamos servir Cristo e a sua Igreja com amor profundo e total. Doamos a esperança que nos vem de Cristo e que é a única capaz de iluminar o caminho. Juntos, podemos agradecer ao Senhor que nos fez crescer na comunhão. Juntos, podemos pedir para que nos ajude a crescer ainda nessa unidade profunda, de modo que o Colégio dos Cardeais seja como uma orquestra, onde as diversidades, expressão da Igreja universal, concorrem à superior e concorde harmonia”.
 
Aos Cardeais, o Papa expressou “um pensamento simples” sobre a Igreja e sobre o seu mistério, que constitui para todos nós a razão e a paixão da vida, escrita por Romano Guardini. Ou seja, de que a Igreja não é uma instituição excogitada, mas uma realidade viva. Ela vive do decorrer do tempo, transformando-se, mas em sua natureza permanece sempre a mesma. O seu coração é Cristo.
 
“Parece que esta foi a nossa experiência ontem na Praça. Ver que a Igreja é um corpo vivo, animado pelo Espírito Santo, e vive realmente da força de Deus. Ela está no mundo, apesar de não ser do mundo. É de Deus, de Cristo, do Espírito Santo e nós o vimos ontem. Por isso é verdadeira e eloquente a outra famosa expressão de Guardini:
 
A Igreja se desperta no ânimo das pessoas. A Igreja vive, cresce e se desperta nos ânimos que, como a Virgem Maria, acolhem a palavra de Deus e a concebem por obra do Espírito Santo. Oferecem a Deus a própria carne e o próprio trabalho em sua pobreza e humildade, se tornando capazes de gerar Cristo hoje no mundo.
 
Através da Igreja, disse o Papa, o mistério da encarnação permanece presente sempre. E fez um apelo aos Cardeais:
 
“Permaneçamos unidos, queridos irmãos, neste mistério, na oração, especialmente na Eucaristia cotidiana, e assim serviremos a Igreja e toda a humanidade. Esta é a nossa alegria que ninguém pode nos tirar. Antes de saudá-los pessoalmente, desejo dizer que continuarei próximo com a oração, especialmente nos próximos dias, para que sejais plenamente dóceis à ação do Espírito Santo na eleição do novo Papa. Que o Senhor vos mostre quem Ele quer. E entre vós, entre o Colégio dos cardeais, está também o futuro Papa, ao qual já hoje prometo a minha incondicionada reverência e obediência.”

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Última audiência de Bento XVI










Papa Bento XVI
Pontificado: 19/04/2005 - 28/02/2013

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Título, vestes e anel de Bento XVI: eis as respostas

Cidade do Vaticano (RV) – O Diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Pe. Federico Lombardi, realizou na manhã desta terça-feira mais uma coletiva de imprensa, em que esclareceu algumas das muitas dúvidas dos jornalistas.

Uma delas é sobre como Bento XVI será chamado a partir do dia 28 de fevereiro. A resposta é: continuará a chamar-se Sua Santidade Bento XVI, mas foi escolhido também Papa Emérito ou Romano Pontífice Emérito.

Sobre as vestes: branca, simples, sem mantelete. Não são mais previstas os sapatos vermelhos. “Parece que o Papa ficou muito satisfeito com os sapatos que lhe presentearam no México, em Leon”, disse Pe. Lombardi.

Não usará mais o anel do pescador, para o qual o Camerlengo, com o decano, darão o fim que a Constituição prevê.

Sobre o dia de hoje, o Papa a transcorrerá em oração e preparação para a transferência a Castel Gandolfo.

Para a Audiência Geral de quarta-feira, foram distribuídos 50 mil bilhetes. Prevê-se o mesmo esquema: um amplo giro com o papamóvel. Não terá lugar o “beija-mão” – este será feito após a Audiência Geral, na Sala Clementina, para algumas autoridades, como o Presidente da Eslováquia, o Presidente da região da Baviera.

Quinta-feira, às 11h, haverá a saudação aos Cardeais, com o discurso do Decano no início. Às 16h55 (hora local), a partida de carro do pátio de São Dâmaso, saudação dos superiores. No heliporto, haverá a saudação do Cardeal Decano. Às 17h15, a chegada a Castel Gandolfo, onde estarão presentes o Bispo de Albano e outros autoridades. Às 17h30, no Pátio interno o Papa saúda os fiéis – a última saudação pública do Santo Padre. Às 20h, a Guarda Suíça, fecha a porta do Palácio Apostólico, encerrando o serviço para o Papa como chefe da Igreja.
(BF)

sábado, 23 de fevereiro de 2013

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Falam de São Malaquias, mas não sabem quem ele é de fato!


Papa Julio II
Falar da profecia de São Malaquias virou moda agora, não é?

Só que tem um problema! Sites e até telejornais estão utilizando a imagem do Papa Julio II para se referir a São Malaquias.

O Papa Júlio II, nascido Giuliano della Rovere O.F.M. ...(Savona, 5 de Dezembro de 1443 - Roma, 21 de Fevereiro de 1513), foi Papa de 1 de Novembro de 1503 ate à data da sua morte. Era frade franciscano.

São Malaquias (em irlandês antigo: Malachy Máel Máedóc Ua Morgair; em irlandês moderno: Maelmhaedhoc O'Morgan) nasceu em 1094 na Irlanda. Ainda na adolescência tornou-se abade de Armagh. As suas visões começaram em 1139 na sua primeira viagem a Roma. Foi canonizado em 1199 pelo Papa Clemente III.

São Malaquias

Ou seja: Julio II e São Malaquias são pessoas diferentes! Quer falar? Fale! Mas não se equivoque ao dar nome aos "bois".

Imagem lançada nas redes sociais. Iniciativa do blog "Católico com  muito orgulho"

22 de fevereiro - Festa da Cátedra de São Pedro





quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Bento XVI nomeia bispo auxiliar de Curitiba (PR)

Monsenhor José Mário Scalon Angonese
Monsenhor José Mário Scalon Angonese, atualmente pároco da Paróquia da Ressurreição e Reitor do Seminário Maior de Santa Maria (RS) foi nomeado nesta quarta-feira, 20 de fevereiro, pelo Papa Bento XVI como novo bispo auxiliar de Curitiba (PR).

A Nunciatura Apostólica comunicou a nomeação lembrando que o Santo Padre atendeu ao pedido do arcebispo de Curitiba, dom Moacyr José Vitti de poder contar com um colaborador e acrescentou que a notícia foi publicada no jornal “L’Osservatore Romano” desta quarta-feira, ao meio dia, no horário de Roma.
 
O novo bispo é gaúcho de Unistalda, Santiago. Seus pais são Roberto Antônio Angonese e Henrica Scalon Angonese. Monsenhor José Mário recebeu formação institucional em Filosofia e Teologia em Viamão (RS) e se especializou em Psicopedagogia. Foi incardinado na Diocese de Santa Maria em 1988 e ordenado sacerdote, por dom Ivo Lorscheiter, em 1989, na também cidade gaúcha de Nova Esperança do Sul.
 
Como padre, Monsenhor José Mário desempenhou as seguintes atividades: assistente no Seminário São José e promotor vocacional de 1990 a 2002; diretor espiritual do mesmo Seminário no período de 1991 a 1998. No ano de 1995, trabalhou por 6 meses na diocese de Cruz Alta (RS), como pároco da Paróquia da Natividade, na cidade Ijuí. Tornou-se Reitor do Seminário São José em 1999 e permaneceu nesse serviço até 2001 quando foi nomeado pároco da Paróquia Santíssima Trindade, em Nova Palma, até 2011 quando foi transferido e tornou-se pároco da Paróquia da Ressurreição, em Santa Maria.
 
Fonte: CNBB

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

O Papa Bento XVI se reuniu com o presidente da Romênia e com o Cardeal Bagnasco


 
Bento XVI terminou a semana cumprindo com os compromissos que estavam previstos em sua agenda. Reuniu-se com o presidente da Romênia, Traian Basescu. O Papa lhe presenteou com uma medalha de seu pontificado e o presidente entregou ao Papa um extenso livro sobre a Igreja na Romênia. Segundo o Vaticano, falaram sobre a importância da colaboração na Europa para a proteção dos valores comuns.

Fonte: RomeReports.com
Tradução do texto: Cesar da Rocha Pires.

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Papa Bento XVI se encontra com sacerdotes de Roma

Sacerdotes cantaram o "Tu es Petrus" para o Santo Padre. Mais um momento emocionante nestes últimos dias de Pontificado de Bento XVI.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

As lágrimas do secretário do Papa Bento XVI

O sentimento dos católicos do mundo é demonstrado nestas imagens. Assim como saltou as lágrimas do Arcebispo Georg Gaenswein, também a última Missa pública de Bento XVI emocionou a todos nós!
 


Georg Gaenswein chorando no final da Missa de Cinzas desta quarta-feira
(13/2/2013)
Fonte: RomeReports.com

Vídeos e fotos da última Missa pública de Bento XVI como Papa. Quarta-feira de Cinzas.










 
 
Fonte: RomeReports.com / Fotos: facebook.com/DiretoSacristia

Papa explica sua renuncia em primeira aparição pública após o anúncio



"Queridos Irmãos e Irmãs, como sabeis eu decidi...
 
Obrigado por vossa simpatia!
 
... eu decidi renunciar ao Ministério que o Senhor me confiou em 19 de abril de 2005. Fiz isto com plena liberdade pelo bem da Igreja, depois de ter rezado muito tempo e haver examinado junto de Deus minha consciência, tenho conhecimento da gravidade deste ato, porém também sabendo que não estou preparado para desempenhar o Ministério petrino com a força que este requer.
 
Sustenta-me e ilumina a certeza de que a Igreja de Cristo e Ele não deixará que falte seu guia e seu cuidado. Agradeço a todos pelo amor e a oração com a que me acompanha.
 
Obrigado. Senti quase fisicamente em estes dias para mim nada fáceis à força da oração, que me chega graças ao amor pela Igreja e a vossa oração. Continuem rezando por mm, pela Igreja e pelo futuro Papa. O Senhor lhe guiará".






 Fonte: RomeReports.com/Rádio Vaticano
Tradução do texto: Cesar da Rocha Pires.
 

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Bento XVI anuncia sua renúncia como Papa



"Verdadeiramente de coração vos agradeço por todo o amor e a fadiga com que carregastes comigo o peso do meu ministério, e peço perdão por todos os meus defeitos".

Caríssimos irmãos,

Convoquei-vos para este consistório não só por causa das três canonizações, mas também para vos comunicar uma decisão de grande importância para a vida da Igreja. Depois de ter examinado repetidamente a minha consciência diante de Deus, cheguei à certeza de que as minhas forças, devido à idade avançada, já não são idôneas para exercer adequadamente o ministério petrino. Estou bem consciente de que este ministério, pela sua essência espiritual, deve ser cumprido não só com as obras e com as palavras, mas também e igualmente sofrendo e rezando. Todavia, no mundo de hoje, sujeito a rápidas mudanças e agitado por questões de grande relevância para a vida da fé, para governar a barca de São Pedro e anunciar o Evangelho, é necessário também o vigor quer do corpo quer do espírito; vigor este, que, nos últimos meses, foi diminuindo de tal modo em mim que tenho de reconhecer a minha incapacidade para administrar bem o ministério que me foi confiado. Por isso, bem consciente da gravidade deste ato, com plena liberdade, declaro que renuncio ao ministério de bispo de Roma, Sucessor de São Pedro, que me foi confiado pela mão dos cardeais em 19 de abril de 2005, pelo que, a partir de 28 de fevereiro de 2013, às 20 horas, a sede de Roma, a sede de São Pedro, ficará vacante e deverá ser convocado, por aqueles a quem tal compete, o conclave para a eleição do novo Sumo Pontífice.

Caríssimos irmãos, verdadeiramente de coração vos agradeço por todo o amor e a fadiga com que carregastes comigo o peso do meu ministério, e peço perdão por todos os meus defeitos. Agora confiemos a Santa Igreja à solicitude do seu Pastor Supremo, Nosso Senhor Jesus Cristo, e peçamos a Maria, sua Mãe Santíssima, que assista, com a sua bondade materna, os padres cardeais na eleição do novo Sumo Pontífice. Pelo que me diz respeito, nomeadamente no futuro, quero servir de todo o coração, com uma vida consagrada à oração, a Santa Igreja de Deus.

Vaticano, 10 de fevereiro de 2013.

BENEDICTUS XVI



Da redação do Portal Ecclesia.

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Papa Bento XVI visita os seminaristas de Roma



Bento XVI voltou ao Seminário Maior de Roma na véspera da Festa da Virgem da Confiança, padroeira do seminário. Lhe receberam o Cardeal Agostino Vallini e o Reitor.
 
Este encontro com os seminaristas de Roma se converteu em uma tradição nos últimos anos.
 
Além dos seminariatas maiores, estiveram presentes os seminaristas menores de Roma. O Papa ficou para jantar com todos eles.








 
Fonte: RomeReports.com
Tradução do texto: Cesar da Rocha Pires.

Blog agora tem página no Facebook!

Olá caros leitores do blog "Católico com muito orgulho". É com alegria que informamos que nosso blog agora está presente no facebook.
 
Curtindo a página do blog no facebook, você acompanhará todas as atualizações ficando por dentro do que acontece na Igreja!
 
Curta nossa página agora mesmo clicando no link abaixo:
 
Compartilhe com seus amigos!
Agradecemos por sua colaboração!

Cesar da Rocha Pires
Fundador e administrador do blog.

Página no facebook

Página no facebook
Curta nossa página no facebook, clique na imagem acima!